domingo, outubro 04, 2009

As belas do Brasil

No sentido do relógio temos 5 belas Misses Brasil de várias regiões do país: Ieda Maria Vargas, 1963 (R G do Sul); Vera Ribeiro, 1959 (DF - Rio); Terezinha Morango, 1957 (Amazonas); Martha Rocha, 1954 (Bahia) e Maria Olivia Cavalcanti, 1962 (Bahia).

3 comentários:

J. Botafogo disse...

Cinco belas Misses Brasil, uma "Miss" Universo, dos anos dourados, que povoaram o imaginário dos brasileiros em geral (naquela época a maioria dos nossos patrícios prestigiavam o concurso, chegando a ocupar os melhores lugares no Maracananzinho com as suas famílias), principalmente as mocinhas sonhadoras. Os tempos mudam.
Abraços!

MARCIO LANDIN disse...

Nós outros, que temos o privilégio de dividir este espaço com os que
que vivenciaram a Época de Ouro do Concurso Miss Brasil Universo, podemos constatar por esta foto emblemática a diversidade de belezas, da raça do povo brasileiro, de vários estados, porque era assim nessa época que se via o Brasil também lá fora e comprovava estudos anteriores de etnia e da raiz de nossa missegenação.
Eram mulheres de fibra e belíssimas que não deixam nenhuma inveja por menor que pareça das cinco coroas venezuelanas conquistadas com muito mais que belezas naturais. As amzaonas mulheres do Brasil são as legítimas Misses Universo que re conhecemos como as Eternas. Nessa foto podemos constatar as belezas de Vera Regina Ribeiro (RJ) Maria Olívia Rebouças (BA) TOP 5, Martha Maria Hacker Rocha (BA), Terezinha Morango (AM)TOP2, Ieda Maria Bruto Vargas(RS) MU/63. Era um país igualmente potente em belezas de Norte a Sul. Isso é que prevalecia e o que proporcionava tanta emoção ao público e as expectativas que eram criadas ante o imprevisível.
Hoje vivemos um concurso de cartas marcadas onde a surpresa é levada com descaso, ou com no mínimo embaraço. E preparação e belezas restritas.

ML

felipe disse...

Faz muitos anos que o concurso de Miss Brasil é marcado por um absoluto amadorismo. Enquanto não mudarem as figurinhas , os resultados serão aqueles que já estamos acostumados a ver.